Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

IPCA 15

Confira quando serão as próximas reuniões do Copom em 2024

Atualmente em 11,25% ao ano, a taxa básica de juros deve chegar a 9% até o final do ano, segundo o Boletim Focus

Por Redação SDI

Foto de uma reunião do copom

O Comitê de Política Monetária (Copom) tem agendadas suas próximas reuniões para discutir a taxa Selic em 2024. 

A próxima reunião ocorre nos dias 19 e 20 de março. Durante o encontro, os membros do Copom vão avaliar o cenário econômico do Brasil para decidir se a taxa básica de juros aumentará, diminuirá ou permanecerá estável.

A taxa Selic, atualmente em 11,25% ao ano, foi definida na última reunião do Copom, em 31 de janeiro, com um corte de 0,5 ponto percentual. 

A decisão sobre a taxa é tomada por votação com maioria simples, envolvendo os membros da diretoria colegiada do Banco Central, chefes de determinados departamentos e o presidente do BC, Roberto Campos Neto, que tem voto de desempate, se necessário.

Como a taxa é calculada

Para determinar a taxa Selic, o Copom considera diversos elementos econômicos, como:

  • Inflação
  • Contas públicas
  • Atividade econômica 
  • E cenário externo


De acordo com o Boletim Focus do Banco Central, a projeção é que a Selic encerre o ano de 2024 em 9%, sendo este o principal instrumento do Banco Central para controlar a inflação.

As decisões do Copom têm impacto direto na política monetária do país, influenciando o valor de bens e serviços, o poder de compra da população e o valor da moeda nacional.

Veja quando acontecem as reuniões em 2024

O calendário das próximas reuniões do Copom em 2024 já foi divulgado pelo Banco Central. Além da reunião de março, estão programadas as seguintes datas:

– 7 e 8 de maio

– 18 e 19 de junho

– 30 e 31 de julho

– 17 e 18 de setembro

– 5 e 6 de novembro

– 10 e 11 de dezembro

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Veja também:

A correção deste ano é menor do que nos anos anteriores; entidades enxergam com preocupação o ajuste abaixo da inflação
MPEs foram responsável por 80% das novas vagas com carteira assinada em julho
Ministério do Trabalho não apresentou a proposta que vai encaminhar ao Congresso nos próximos dias
Vice-presidente, Geraldo Alckmin, prometeu apoio do governo, incluindo um empréstimo internacional de U$ 40 milhões
Percentual ficou abaixo das expectativas do mercado, que esperava um acréscimo de 0,82%
Última etapa do Programa iniciou na segunda-feira (9)